Carrapato também transmite hepatozoonose canina
Carrapato também transmite hepatozoonose canina

Carrapato também transmite hepatozoonose canina

A hepatozoonose canina é mais uma doença transmitida pelo carrapato, que gera um grande incômodo para os pets. Ela é causada pelo protozoário Hepatozoon canis, que acomete principalmente os carnívoros domésticos. A transmissão para os cães ocorre após a ingestão de carrapatos contendo oocistos maduros de H. canis.

A hepatozoonose canina gera um grande incômodo para os pets

Nos cães, a doença geralmente é intercorrente a outras enfermidades imunossupressoras o que dificulta a individualização dos seus sinais clínicos. Os sinais mais frequentes são anorexia, palidez de mucosas, emagrecimento e dores musculares.

O diagnóstico de rotina da enfermidade em cães baseia-se na identificação de células leucocitárias parasitadas, em esfregaços sanguíneos.

São sinais da hepatozoonose canina anorexia, palidez de mucosas, emagrecimento e dores musculares

A hepatozoonose atinge todos os tipos de cães, porém os filhotes são mais suscetíveis pela fragilidade do sistema imunológico. Ela pode ser manifestar de maneira discreta, com poucos sinais clínicos, e os donos nem perceberem sua presença ou surgir de modo bem agressivo, podendo até levar o animal ao óbito.

Quando o pet é infectado com esse protozoário, os sintomas mais comuns são febre, anorexia, perda de peso, descarga ocular, sinais de debilidade crônica e fraqueza dos membros posteriores. Além disso, o animal pode manifestar diarreia hemorrágica, por causa da liberação do parasita e a sua penetração na parede do intestino para atingir os vasos sanguíneos, hipertermia, apatia, problemas de apetite e dificuldades para se movimentar devido a dores musculares.

A hepatozoonose pode ser manifestar de maneira discreta

Como consequência, outros problemas podem surgir, como glomerulonefrite ou vasculite, dentre outros transtornos. Ademais, existe a chance de essa doença aparecer junto com outras que também são transmitidas pela picada do carrapato. Por isso, se o animal apresentar qualquer um desses sintomas, leve-o ao veterinário rapidamente.  Importante usar coleiras carrapaticidas e sempre estar de olho no seu pet para evitar esse tipo de parasita.

2-comlogo

1-comlogo

Fontes: pubvet e scielo

Leia Também

Comentários

Deixe um comentário

* Campos Obrigatórios. Seu endereço de e-mail não será publicado.

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

SAIS Nº 08 - Sociedade Hípica de Brasília - Brasília/DF - CEP:70.610-000 | (61) 3345.8333 - 3346.8333 - 99221.8856